Bicicleta Elétrica no Brasil - Bicicletas Elétricas no Brasil
14
home,page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-14,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-17.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.5,vc_responsive

SOBRE O ESTUDO

Saiba tudo sobre o Mercado Brasileiro de Bicicletas Elétricas

De acordo com pesquisas da Aliança Bike, no Brasil já 20% das lojas de bicicletas vendem elétricas e 78% dos lojistas que ainda não comercializam, afirmam que querem ter este produto em seus negócios nos próximos anos. O crescimento no uso de bicicletas elétricas é visível, mas como se comportaram as vendas desde 2010 até os dias de hoje no Brasil? Qual o índice de vendas per capita comparado com outros países? Qual a tributação que incide sobre as elétricas no Brasil e em comparação com outras nações? Estes são alguns dos dados presentes neste estudo que, além de traçar um panorama completo sobre o mercado de bicicletas elétricas no Brasil e no mundo, ainda traz a projeção de demanda e potencial de crescimento para os próximos cinco anos. O relatório também mostra as curvas de elasticidade-preço e elasticidade-renda, o cenário de equiparação tributária das bicicletas elétricas com as convencionais, exemplos de políticas de promoção de incentivo e caminhos possíveis para se desenvolver o mercado de bicicletas elétricas no Brasil.

Conteúdo do estudo

  1. Introdução
  2. Histórico das Bicicletas Elétricas
  3. Mercado Brasileiro de Bicicletas
  4. Mercado Internacional de Bicicletas
  5. Perfil Consumidor e Drivers
  6. Motivações para uma Equiparação Tributária
  7. Evolução, Tendências e Incentivos
  8. Projeções de Demanda por Bicicletas Elétricas no Brasil
  9. Propostas para o Setor
  10. Conclusões e Projeção do Setor a 5 Anos
  11. Fontes e Referências Bibliográficas

veja o índice completo

Veja uma amostra do conteúdo deste estudo
Veja também o e-book “Bicicletas elétricas – Como e por que incentivá-las

Sobre os autores deste estudo

A partir da coordenação geral da Aliança Bike, o estudo teve coordenação executiva da Sidera Consult e contou com o apoio das marcas General Wings, Pedalla, Scott, Specialized e Trek.
COORDENAÇÃO GERAL
COORDENAÇÃO EXECUTIVA

Conheça a Aliança Bike

Criada em 2003 e formalizada em 2009, a Aliança Bike é uma associação que tem como missão fortalecer a economia da bicicleta e o seu uso por brasileiras e brasileiros, atuando em diversas frentes de trabalho para promover o uso de bicicletas como transporte, esporte, lazer e logística.

Os temas e ações que estão no dia-a-dia da Aliança Bike são: produção de dados (informações e estatísticas do setor e da economia da bicicleta); coordenação de Grupos de Trabalho (Bicicletas Elétricas, Grupos de Pedal, Segurança Pública, Ciclo Comitê Paulista, Cicloturismo e Ciclologística); combate ao contrabando e descaminho de bicicletas; apoio a lojistas; incidência política nos governos federal e estaduais; produção de livros sobre uso de bicicleta no Brasil; ações de incentivo e apoio à mobilidade ativa; incentivo ao mountain bike; participação em comitês de certificação e normalização (nacional e internacional); entre outras ações.

A Aliança Bike já conta com mais de 80 associados, desde empresas do setor produtivo da bicicleta – fabricantes, importadores, distribuidores e lojistas -, até entidades sociais, organizadoras de eventos esportivos e empresas de mídia que promovem o uso de bicicleta. A cada empresa ou organização social que se associa, a união se torna mais sólida e, como consequência, a economia da bicicleta se fortalece.

A seguir, as empresas e organizações sociais que formam a Aliança